VIVA A PRIMAVERA!

VIVA A PRIMAVERA!

ATENÇÃO

NÃO PAGUEM JOGOS E MAGIAS ANTES DE SABER DA DISPONIBILIDADE. POR FAVOR MARCAÇÃO DE JOGOS E MAGIAS SOMENTE COM A BIBI, no e.mail donamariapimenta@yahoo.com

PEÇO QUE NÃO ENVIEM E.MAIL PARA OS DOIS E.MAILS DIVULGADOS NO BLOG PARA O MESMO ASSUNTO, POIS CADA UM TEM A SUA FINALIDADE E ISTO ACABA ATRAPALHANDO A DINÂMICA DO SERVIÇO PRESTADO. SIGA ESTRITAMENTE AS INSTRUÇÕES. GRATA.

A BIBI JÁ ESTÁ ACEITANDO AS MAGIAS DE AGOSTO!

PARA SE ATUALIZAR DAS DATAS DAS MAGIAS, FAVOR VER O MARCADOR: CALENDÁRIO DE MAGIAS.


CONTATOS:
wlagone@gmail.com

SKYPE: (somente para jogos, contato no e.mail acima)
wlagone@hotmail.com

AGENDAMENTO DE JOGOS E MAGIAS:
donamariapimenta@yahoo.com

É NOVA (O) NO BLOG?

1 - Novos clientes, imprescindivelmente, têm que marcar jogo com a Cigana, para análise da situação e indicação de banhos e magias, caso seja necessário.
2 - O jogo é realizado por chat via Skype, Facebook ou Hangouts. É necessário escolher data e horário dentre os pré disponibilizados pela Cigana na agenda do blog, no rodapé do mesmo, mas antes confirmar a disponibilidade da sua escolha por e-mail e então realizar o pagamento. Mais informações, envie e-mail para o endereço de Marcação de Jogos e Magias: donamariapimenta@yahoo.com
3 - Visite o marcador JOGOS E CURIOSIDADES, para ver o nosso estilo de leitura dos oráculos (Não há a possibilidade do cliente marcar data, lua ou momento para a realização do seu jogo).
4 - Visite o marcador MINHA MAGIAS, para ficar à par do nosso trabalho.
5 - As Magias coletivas de cores, fixas do Calendário mensal, não recebem notificação. Somente as magias avulsas encomendadas pelo cliente (que são passíveis de senha), recebem a notificação por e-mail da sua execução.
6 - Visite todo o marcador CALENDÁRIO DE MAGIAS, para se informar sobre os objetivos das magias coletivas fixas e as individuais avulsas, além das datas das mesmas.
7 - Não há a possibilidade do cliente marcar data, lua ou momento para a execução da magia encomendada. Há uma lista de espera! Por favor, aguarde a sua notificação.
8 - Para se manterem cientes das magias, sempre compare a data da sua encomenda com a cor e data da Magia no Calendário mensal. Se foram postadas ou não, as suas datas, enfim, consultem sempre os dois marcadores: MINHAS MAGIAS e CALENDÁRIO DE MAGIAS.
SEJAM BEM VINDOS!

segunda-feira, 5 de junho de 2017

MOVENDO-SE PARA O EQUILÍBRIO EMOCIONAL



Estar fora de equilíbrio emocional, envolve tanto não se permitir experimentar seus sentimentos à medida que evoluem, evitando ou escondendo, ou ser tão ligado e identificado com eles que seus sentimentos te consumam. O equilíbrio emocional ocorre quando nos permitimos sentir tudo o que surge, sem sufocar ou ser dominado por ele, e aprendemos a aceitar nossos sentimentos sem julgamento.

A maioria das pessoas tenta evitar a dor emocional e física. Afinal, quem quer estar com dor? Nosso pensamento ilusório diz-nos que se nós podemos apenas evitar a dor, não nos afetará. Ironicamente, os esforços para manter os pensamentos dolorosos, sentimentos e sensações físicas pode funcionar temporariamente, mas no longo prazo apenas prolongamos essas experiências e intensificamos o sofrimento ligado a elas. O sofrimento é uma função de como as pessoas pensam e sentem sobre a dor emocional e física que experimentam, e as crenças que atribuem a ela. Existe uma correlação direta entre a quantidade de esforço gasto para evitar a dor e o grau de sofrimento experimentado - quanto mais alguém trabalha para evitar a dor, maior o seu sofrimento tende a ser.

Evitar não funciona porque a dor é uma parte inevitável da vida. É um aspecto essencial do ser humano. É a maneira que escolhemos responder à dor emocional e física que experimentamos, que determina se somos capazes de superar essa dor ou, sem querer, estendê-la e ampliá-la.

Da mesma forma que o relâmpago sempre encontra um caminho para o solo, os sentimentos - incluindo aqueles que são desconfortáveis ​​e dolorosos - sempre encontram um caminho para a expressão. Se não nos permitimos senti-los e, se necessário, falarmos sobre eles, se evitarmos ou escondermos nossos sentimentos, então eles invariavelmente saem "de lado" - em formas indiretas através do nosso comportamento. Quando os sentimentos são expressos através do comportamento, eles tipicamente operam inconscientemente, fora de nossa consciência. Quando isso acontece, estamos no piloto automático, muitas vezes fazendo coisas que não queremos fazer e que sabemos que não funcionam para nós, e não temos ideia de por que continuamos fazendo.


É semelhante a uma panela de pressão. As panelas de pressão são instrumentos de equilíbrio na medida em que é necessária uma tampa para evitar que o conteúdo se derrame por todo o local, mas também é necessário um meio para libertar a pressão de acumulação. Se não há válvula de liberação para fornecer um caminho seguro para a expressão, o que acontece? A pressão se acumula até que o panela não pode mais contê-la e ela explode, causando danos potencialmente graves. Da mesma forma, se não fornecemos às nossas emoções um caminho seguro (embora às vezes desconfortável) para a expressão, permitindo-nos senti-las conscientemente, elas ainda encontrarão uma saída - muitas vezes através de algum tipo de insanidade, sabotamento ou explosão.

Existem vários níveis de conscientização envolvidos no cultivo do equilíbrio emocional (por mais simples que pareçam, muitas pessoas não conseguem facilmente ou naturalmente):

1) Torne-se consciente de que você está experimentando uma emoção. Embora você não saiba especificamente que sentimento está tendo, é importante simplesmente observar e reconhecer que você tem algum sentimento e qual é, o que ele está tentando te mostrar.

2) Identificar a emoção particular. Pode ser útil parar, fechar os olhos, transformar seu foco para dentro, e permitir-se experimentar essa emoção em seu corpo. Diferentes emoções são normalmente experimentadas em diferentes partes do corpo. Por exemplo, a raiva pode se manifestar como aperto no pescoço e ombros, tristeza, como uma dor no peito, o medo como um nó no estômago, e alegria como o calor em seu coração.

3) Coloque a emoção em palavras. "Estou me sentindo com raiva." "Estou me sentindo triste." Colocar as emoções que você experimenta em palavras, fazendo essas auto-afirmações simples pode criar o espaço que você pode usar para responder intencionalmente, em vez de reagir automaticamente e inconscientemente.

O equilíbrio emocional é facilitado pela prática de regulagem emocional e tolerância à angústia. A regulagem emocional relaciona-se com a identificação das emoções que estão sendo sentidas no momento, e observando-as sem serem esmagados por elas. Competências de regulagem emocional incluem atividades auto-calmante que ajudam a reduzir a intensidade emocional e proporcionam um efeito calmante, tais como: a meditação , a respiração intencional, yoga, ouvir música que você gosta, relaxamento muscular progressivo, dar uma caminhada, ler algo agradável ou espiritual, cantar uma canção favorita, exercícios, visualizando um local reconfortante / imagem de relaxamento, etc.

Tolerância de afastamento refere-se a suportar e aceitar desconforto, e aprender a suportar a dor com habilidade. A tolerância de socorro aumenta a capacidade de enfrentamento reforçando a resiliência - a capacidade de se adaptar às mudanças. Habilidades de tolerância, aceitação, envolvem a capacidade de aceitar tanto a si mesmo e da situação atual sem julgamento, apesar da dor emocional e / ou dor física que pode trazer.

É importante esclarecer que a aceitação não é igual à aprovação. Podemos aprender a aceitar e coexistir com emoções desconfortáveis ​​e angustiantes quando não gostamos delas, e mesmo quando não gostamos intensamente dos fatos que nos cercam.

Emoções, especialmente as mais poderosas e perturbadoras, podem parecer que vão durar para sempre. No entanto, se são positivas e trazem sorrisos para o nosso rosto e risadas aos nossos lábios, ou dolorosa e trazem feridas a nossos corações e lágrimas aos nossos olhos, os sentimentos são sempre temporários. Eles vêm e vão como convidados que vêm visitar: alguns são bem-vindos e estamos encantados de vê-los; Outros, não tanto. Às vezes, eles saem mais cedo do que gostaríamos; Outras vezes eles ficam muito além do ponto quando queremos que eles deixem mas, todos eles saem.

O status do equilíbrio emocional nunca é estático; Está quase sempre em movimento.
Como em uma gangorra, nossos sentimentos se alteram constantemente. O fim que estava cima, vai para baixo e o que estava para baixo sobe de forma alternada. Somos todos assim. Às vezes, o movimento é mais extremo, rapidamente flutuando para cima e para baixo, e às vezes, é mais lento e mais gradual.

Embora possa haver breves períodos em que existe o equilíbrio perfeito, isso nunca dura muito tempo. A grande maioria do tempo há algum movimento, como as respectivas extremidades da prancha movendo-se para cima e para baixo, às vezes muito ligeiramente e sutilmente. O mesmo é verdade para o equilíbrio emocional, mesmo sob as melhores circunstâncias, raramente alguém consegue perfeito equilíbrio, e quando o fazem, não dura. À medida que as circunstâncias de sua vida mudam, assim será seu estado de equilíbrio emocional. A chave é estar ciente disso e utilizar essa consciência para tomar quaisquer ações que o moverão de volta para o equilíbrio.

ESTE ARTIGO VEIO DAQUI:
http://www.menteemovimento.com.br/single-post/2017/01/13/Movendo-se-para-o-equil%C3%ADbrio-emocional

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo ao Blog Ciganos Encantados!

Este blog é um lugar de magia, de amor, de crescimento e de ajuda mútua!

Correntes, comentários maledicentes e propagandas de qualquer tipo serão deletados.

Que Santa Sara e a Caravana Cigana de Luz ilumine sempre seus caminhos!